Vitti: Assembleia precisa de servidores externos, que não são fantasmas

O presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti (PSDB), disse na noite desta terça-feira, em entrevista à nova TBC, que a Casa tem de sentar com representantes do Ministério Público para discutir os limites de atuação dos servidores externos da Casa. “São servidores externos, e não fantasmas”.

Vitti entende que o MP se equivocou ao denunciar uma funcionária do gabinete do deputado Luis Cesar Bueno (PT) que, segundo o petista, cuidava da comunicação dele. “É humanamente impossível um gabinete de 10 metros quadrados ter 40 servidores. Pelo que li da denúncia, creio Luis Cesar vai conseguir facilmente provar que a servidora não é fantasma”.