Novo Refis: Wilder ajuda a aprovar mudanças que beneficiam parlamentares

O senador Wilder Morais (DEM) foi um dos parlamentares que votaram a favor do afrouxamento de regras do Programa de Regularização Fundiária (novo Refis), que beneficiou 73 deputados e senadores que têm dívidas milionárias com o governo federal.

As dívidas do Congresso inteiro com a União ultrapassam R$ 207 milhões, mas com o benefício aprovado com o voto de Wilder, cairão para R$ 108 milhões. 

Em tempo: é óbvio que Wilder foi um dos contemplados. O débito dele passou de R$ 180 mil para R$ 105 mil (abatimento de 58%). Para saber mais, acesse reportagem do jornal Valor Econômico