Vereadores puxa-sacos protestam contra CEI da Saúde, que desmoralizou Iris

Numa manobra que parece ter sido previamente combinada, dois vereadores da base do prefeito Iris Rezende (MDB) abriram a sessão plenária desta terça-feira na Câmara Municipal com ataques à Comissão de Inquérito (CEI) que investigou irregulares na Saúde de Goiânia, indiciou a secretária Fátima Mrué e desmoralizou Iris.

Felisberto Tavares (PR) e Paulo Magalhães (PSD) afirmaram que os integrantes da CEI se reuniram em restaurantes na véspera da apresentação do parecer do relator, Elias Vaz (PSB), para fechar acordos que teriam beneficiado o secretário de Saúde do Estado, Leonardo Vilela. 

Paulo Magalhães, num pronunciamento doidivanas, tergiversou tanto para jogar lama no Estado que no fim que o governo é culpado pela crise dos Cais e postos de atendimento da prefeitura.