Vereadora diz que Iris quer culpar servidores por buraco na previdência

A presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal de Goiânia, vereadora Sabrina Garcêz (sem partido) acusou o prefeito Iris Rezende (MDB) de querer penalizar os servidores públicos pelo rombo milionário na previdência da Capital (causada por anos de desmando na prefeitura). 

Entre os muitos pontos polêmicos do projeto que tramita na CCJ está o aumento da contribuição de 11% para 14%. 

Sabrina pediu a Iris, nesta terça-feira, que retire o projeto da Câmara para discuti-lo melhor com os servidores porque, no Legislativo, todas as tentativas de se alcançar um acordo fracassaram.