Francisco Oliveira defende direito de Demóstenes de disputar Senado

O deputado estadual Francisco Oliveira (PSDB),líder do governo na Assembleia Legislativa, afirma que o procurador de Justiça Demóstenes Torres (PTB) foi perseguido ao ter o mandato de senador cassado e tem o direito de disputar novamente uma cadeira no Senado.

Demóstenes teve o mandato cassado em 2012, por envolvimento com o contraventor Carlinhos Cachoeira.

Ele, porém, provou inocência em nove julgamentos sucessivos e poderá disputar as eleições deste ano depois os direitos políticos restabelecidos pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli.

“Não tem uma linha que fale que Demóstenes participou de qualquer coisa. Ele foi perseguido porque era a voz dissonante lá em Brasília. Ninguém foi mais devassado que Demóstenes Torres”, diz o deputado Francisco.