Mandou recado: Eliton critica “moeda de troca na política”

Em evento que aconteceu na última segunda-feira no Basileu França, o governador José Eliton (PSDB) mandou recado para partidos e líderes políticos que colocam a faca no seu pescoço ao exigir cargos em troca no apoio da eleição.

“Nós temos o exemplo clássico do que há de mais pernicioso para construir o estado que almejamos: a busca incessante, através do pragmatismo político, pela discussão de ocupação de espaços de governo, para se discutir formação de composições partidárias. Nada mais retrógrado, mais ultrapassado”, reclamou.

O governador alertou: “Aqui em Goiás esta prática será banida, não vamos caminhar neste sentido”, disse. “Aqueles que quiserem se unir, pensar e sonhar um estado melhor, o farão por convicção, não por moeda de troca”, assegurou, dizendo que os governantes têm que ter a coragem de mudar “mesmo que isso tenha ‘efeitos danosos’ do ponto de vista política. ”