Ex-deputado José Lima diz ter “adoecido” com apoio do PDT a Caiado

O ex-deputado José de Lima (PDT), liderança de Anápolis, ficou tão contrariado com a decisão da cúpula do PDT em Goiás em apoiar Ronaldo Caiado (DEM) que diz ter adoecido. “Nem dormi ontem a noite, estou dos mais contrariado com isso, achei muito ruim”, desabafou.

Lima é mais um dos membros do partido que soube da aliança com a oposição pelos jornais, e cuja opinião foi ignorada por George e Flávia Morais, casal que dirige o PDT. “Não me comunicaram nada, vi pela imprensa, mas eles mesmos não falaram nada comigo. Diz que isso veio de cima para baixo, né?”, disse.

José de Lima diz que é da base aliada desde o início do Tempo Novo, em 1998. A mudança de rumo do PDT o deixa desconfortável. “Não estou com vontade de pedir voto para o Caiado. Fico na base, toda a minha vida fui da base. Tô querendo apoiar o governador José Eliton. Apoio ele”, disse. O ex-deputado disse que ele e outros parlamentares e membros do partido vão marcar uma reunião com Marconi Perillo e José Eliton para reafirmar o apoio a reeleição do governador.