“Se nós ganhamos as eleições é porque fizemos muito”, diz Marconi

Candidato ao Senado, o ex-governador Marconi Perillo participou na noite de quinta-feira, de grande reunião na cidade de Porangatu, ao lado de centenas de populares e lideranças políticas do município e da Região Norte de Goiás. “Se nós ganhamos todas as eleições que disputamos é porque fizemos demais. Só ganhamos porque os goianos reconhecem o nosso trabalho e confiam em nós”, afirmou.

Marconi, que representou os demais candidatos da chapa majoritária da coligação Goiás Avança Mais, afirmou que antes de suas gestões, os governantes eram de uma nota só: “ou era mutirão, ou era cesta básica. Eu fiz um governo de todas as notas”, disse. Analisando o cenário atual afirmou que os candidatos adversários tampouco se preocupam em vivenciar a necessidade dos municípios, e parecem “jogadores de Copa do Mundo que só aparecem de quatro em quatro anos”. “Enquanto isso, a gente fica suando dia a dia para melhorar a educação, os hospitais estaduais, a segurança”, observou.

A reunião aconteceu na casa do deputado estadual Júlio da Retifica, candidato à reeleição. Marconi lembrou que em suas gestões Porangatu recebeu asfaltamento de um milhão de metros quadrados de vias urbanas; uma unidade da UEG, escolas, dentre outras obras. “É porque sempre demos atenção a todas as áreas que somos destaques nacional em todos os setores”, frisou, lembrando que Goiás ocupa primeiro lugar no Saeb e no Ideb.

Como deputado que representa a região, Júlio falou sobre a fidelidade de Marconi a Porangatu, bem como a do governador Zé Eliton, que em poucos meses de gestão conseguiu provar que também é municipalista, dando continuidade ao programa Goiás na Frente. “Zé Eliton vai dar continuidade a esse desenvolvimento em todas as áreas que Marconi proporcionou a Goiás, e vai fazer o estado avançar ainda mais”, declarou.