Eleição OAB-GO: Rodolfo Otávio diz que Pedro Paulo tenta esconder gestões que foram um fracasso

A eleição para a OAB Goiás está cada dia mais quente. Em entrevista ao Jornal Opção, o presidente da Casag, Rodolfo Otávio Mota, afirma que o grupo de oposição liderado por Pedro Paulo de Medeiros tenta esconder gestões de aliados que foram um verdadeiro fracasso.

Rodolfo foi perguntado se é possível que Pedro Paulo consiga vender essa proposta de renovação, chamada de “Nova Ordem”.

“Não. Inclusive acredito que foram infelizes na escolha do slogan. Tentaram renegar a história, que por um tempo foi exitosa. Esqueceram ou tentaram esconder a história do Felicíssimo Sena, do Miguel Cançado, que foram gestões que tiveram seus problemas, mas entregaram muito à advocacia, ao tentar esconder gestões mais recentes que foram um fracasso para a advocacia goiana. Com isso acabam por esconder figuras que foram importantes ao processo e tentam dar um ar de novo que não existe”, disse Rodolfo.

“Leon Deniz é um velho advogado goiano que está no processo eleitoral há muito, por vezes e quase sempre na oposição, mesmo quando ascende ao poder. Da mesma forma Enil Henrique, Flávio Buonaduce, Júlio Meirelles, que são figuras da antiga OAB Forte que estão tentando assumir uma nova roupagem para se mostrarem à advocacia jovem como um novo modelo de gestão. E não são”, concluiu.