Propaganda enganosa? Caiado se candidatou com promessa de tirar Goiás do suposto caos. Agora eleito, arrocha empresários e servidores

O senador e governador eleito Ronaldo Caiado (DEM), que se apresentou como renovação no pleito, segue demonstrando como se faz com muita competência a velha política. Depois de quatro anos propagando o caos administrativo e político de Goiás e, junto a esse discurso, se apresentar como a solução para todos os problemas, Caiado agora quer arrochar o setor produtivo e os servidores públicos com desculpa de que não tem como governar sem cortar incentivos fiscais e reduzir direitos do funcionalismo.

O governador eleito não entendeu – ou finge que não entende – que foi eleito no primeiro turno para consertar o que dizia estar errado. Até agora, Caiado não deu nenhuma pista de como vai fazer isso: não anunciou nenhum auxiliar, não explicou que reforma administrativa pretende fazer, nem o que vai fazer para melhorar a saúde, a educação e a segurança de Goiás. A verdade é que o governador eleito e sua equipe de transição estão perdidos diante da complexidade da máquina administrativa herdada de José Eliton e Marconi Perillo.

Caiado vendeu a promessa do “seus problemas acabaram”. Para quem não se lembra, esse era o slogan das Organizações Tabajara do humorístico Casseta & Planeta.