Campeão de derrotas nas eleições da OAB-GO, Leon Deniz provou que não sabe ser situação

Das 5 eleições que disputou depois de ter rompido com a OAB Forte na primeira gestão de Miguel Cançado, a única que Leon Deniz venceu foi ao lado de Lúcio Flávio.

Logo no primeiro ano de gestão, depois de sucessivas de tentar partidarizar a Ordem, Leon resolveu romper, pois percebeu que suas investidas não teriam guarida no grupo de Lúcio Flávio.

Assim, fica evidente que Leon não consegue fazer parte de gestões construtivas, como foram as de Miguel e Lúcio.

Prefere atirar pedras na vidraça, promovendo sempre um festival de baixarias das quais também já foram vítimas o próprio Pepê, Felicíssimo, Miguel, Tibúrcio, dentre outros.

O resultado da união de Pepê com Leon, expresso nas urnas, mostrou que ataques em campanha da OAB não surtem o efeito desejado, e Pepê agora paga o preço por ter sido absorvido por Leon e seu grupo.

Que sirva de lição.