Empossado, Caiado ainda não assumiu a gestão: tá na hora de descer do palanque e trabalhar

Empossado ontem para o mandato de quatro anos como governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM) segue em cima do palanque eleitoral e fala como se ainda fosse senador de oposição. Foi essa a postura do demista hoje nas entrevistas que concedeu durante a solenidade de posse de seu secretariado, pautadas unicamente por críticas à gestão anterior e nenhuma informação sobre quando vai começar e o que vai fazer em sua gestão.

Talvez Caiado e seus secretários não saibam mesmo a direção a ser tomada. É o que apontam as entrevistas sem pé nem cabeça que deram após a posse, realizada no Oscar Niemeyer. Insistem na fake news de terra arrasada, pedem tempo para analisar a situação e são vazios e genéricos quando questionados sobre demandas e desafios específicos, resultado, claro, da legião de estrangeiros que o governador nomeou em seu primeiro escalão.