“Existe solução melhor do que a apresentada pelo Estado”, protesta Major Araújo sobre parcelamento do salário de dezembro

O Fórum de Segurança Pública do Estado de Goiás e o Sindicato dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás (Sindifisco) se reuniram na manhã desta quinta-feira (10), na Associação dos Oficiais, em Goiânia, para tratar sobre os próximos passos em busca de uma alternativa para que o atual governo de Goiás pague a folha salarial do mês de dezembro dos servidores públicos.

O deputado estadual Major Araújo (PRP) participou do evento e criticou o governo do Estado em querer parcelar o salário do funcionalismo público. “Entendemos que existe uma solução melhor do que a que tem sido apresentada pelo Estado”, afirmou.

Na reunião desta quinta-feira (10), ficou decidido que um outro encontro será realizado nesta sexta-feira (11). A nova reunião vai ocorrer na Associação dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás (Adpego), às 9 horas. Segundo o deputado, o encontro vai servir para “intensificar as discussões e também discutir a possibilidade de uma assembleia unificada com todas as categorias que compõem a segurança pública para definir os passos a serem dados para não permitir que o mês de dezembro seja parcelado e, pior ainda, que ele seja pago após o mês de janeiro”, disse.

Compartilhe