Com seriedade e firmeza, Talles cala bancada de puxa-sacos de Caiado na Assembleia

Apesar da balbúrdia em que se encontra o incipiente governo de Ronaldo Caiado (DEM), pouquíssimos deputados estaduais levantam-se na Assembleia para cobrar respeito com os servidores (que ainda não receberam o mês de dezembro) e para criticar o corte de incentivos fiscais e no ensino integral. Um deles é Talles Barreto (PSDB), que neste começo de ano tem sido brilhante. 

Na sessão da Comissão Mista desta quarta-feira, Talles fez um diagnóstico preciso dos primeiros dias de Caiado, lembrando do calote no funcionalismo, do corte no auxílio-alimentação, no ensino integral e outras medidas que prejudicaram a população.

Por outro lado, diz Talles, Caiado insiste em não descer do palanque, gastando seu tempo com decretos inócuos que servem só para atacar adversários do governo anterior. “Tá na hora de trabalhar”, cobrou Talles.

A bancada de puxa-sacos de Caiado não está conseguindo fazer frente ao deputado. O silêncio é sepulcral.