Paulo usa massa asfáltica Sonrisal e não cumpre a promessa registrada em vídeo de acabar com os buracos de Rio Verde

No mês de janeiro passado, a prefeitura de Rio Verde tapou os buracos da Rua 32, da Vila Baylão, setor nobre que é habitado por famílias tradicionais, formadoras de opinião na cidade.

O moradores locais comemoraram o fim do tormento da buraqueira e aplaudiram os serviços executados pela prefeitura.

Menos de dois meses depois, os buracos voltaram e, com eles, a irritação com o prefeito Paulo do Vale, alvo de duras críticas pela má gestão que realiza no município.

As ruas da Vila  Baylão são o retrato do descaso da gestão de Paulo do Vale, que na campanha eleitoral dizia que faria recapeamento de qualidade e hoje usa massa asfáltica Sonrisal, que não aguenta uma chuva sequer.