Exclusivo: nas redes sociais, internautas fazem campanha em defesa da UEG: #CaiadoAmeUEG

Com a hashtag #CaiadoAmeUEG, internautas começaram na noite desta segunda-feira (25) uma campanha nas redes sociais para tentar sensibilizar o governador Ronaldo Caiado (DEM) para a importância social e acadêmica da Universidade Estadual de Goiás.

“UEG – Patrimônio dos goianos! #CaiadoAmeUEG”, diz um dos banners que circulam no Facebook e no Instagram nesta noite. Caiado decidiu fazer uma intervenção política na UEG para destituir o reitor Haroldo Heimer e determinou cortes drásticos no orçamento, que vão inviabilizar a instituição.

Para Caiado, Heimer – eleito com quase 90% dos votos válidos da comunidade acadêmica e com mandato até o 2020 – não pode continuar na reitoria porque chegou ao posto máximo quando Marconi Perillo era governador.

Além do desrespeito a alunos e professores, a atitude de Caiado revela seus desdém pelos critérios democráticos de escolha do reitor e dos diretores das unidades. A título de comparação, seria o mesmo que querer refazer as eleições para prefeito, só porque eles foram eleitos durante o mandato do adversário.