Professores estaduais deflagram greve a partir desta quarta. Nova assembleia na segunda

Os professores da rede estadual de Educação votaram a favor da greve na tarde desta segunda-feira. A assembleia geral ocorre agora, em frente ao Palácio Pedro Ludovico Teixeira, na Praça Cívica. A greve é por tempo indeterminado e tem início na quarta-feira (3). Uma nova assembleia foi convocada para a próxima segunda-feira (8), após avaliação de uma proposta do Governo Estadual.

A greve é justifica pelo atraso no pagamento do salário referente a dezembro de 2018. A assembleia foi organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Goiás (Sintego).

“Quem parece que tá querendo greve é o Caiado, não é o Sintego”, afirmou a presidente da entidade.