Cresce adesão à greve da Educação contra Caiado; já são 258 escolas paradas, diz Sintego

A revolta com Caiado de professores e servidores da Educação é cada vez maior.
Cresce adesão à greve da Educação contra o descaso do governo com a categoria. Já são 258 escolas paradas, diz Sintego.