Baldy assedia prefeitos goianos filiados do PSDB e pode acelerar aproximação de tucanos com MDB

O onipresente presidente do PP de Goiás, secretário de Infraestrutura do Estado de São Paulo e empresário anapolino Alexandre Baldy está botando quente em cima dos prefeitos goianos filiados ao PSDB. O ex-deputado federal e ex-ministro do governo Michel Temer quer inchar o PP e aumentar o potencial de barganha de seu partido para as eleições municipais do ano que vem.

O tiro, no entanto, pode sair pela culatra: o assédio já está aproximando PSDB e MDB na formação de alianças no campo da oposição em Goiás.

É no que dá a falta de traquejo político.