MPG protocola processo contra diretrizes da Seduc que obrigam profissionais a cumprirem hora relógio

MPG  protocola processo contra diretrizes da Seduc que obrigam profissionais (coordenadores pedagógicos e de turno, dinamizadores de biblioteca, diretores, secretários) a cumprirem hora-relógio, imposta pela dupla Caiado/Gavioli. A Justiça concedeu 72 horas para a Sedic se pronunciar.  Caso a liminar seja indeferida, os interessados podem entrar com processos individuais que são menos demorados que as ações públicas.

Assim, a AMPG convida todos os interessados a agendar uma entrevista com os advogados parceiros, para avaliar a possibilidade de acionar o Poder Judiciário com objetivo de obrigar a Seduc a efetivar o determinado  pela LDB, ou seja, cumprimento da jornada  em hora aula.

Contato dos Advogados:
Pedro Lourenço (62) 99157-4690
Hugo Escher (62) 99221-8598
Breno Adorno (62) 99610-1994