Sem aliados, Caiado leva a família para dentro do governo. Se vai dar certo, só o tempo vai dizer…

Não é de hoje que Ronaldo Caiado tem fama de não ter aliados. Ao longo de sua vida como parlamentar, Caiado foi rompendo com todos e se consolidou como um político solitário de oposição, que ocupava a tribuna do Congresso para falar mal do governo federal e do estadual. Eleito governador, Caiado segue a mesma cartilha. Seu secretariado é de maioria forasteira. O vice Tejotinha é apenas decorativo.

Enquanto isso, a família assume protagonismo. Gracinha é uma primeira-dama que lidera reunião, dá opinião e faz questão de mostrar que manda. A filha Anna Vitória ocupa a mesa em reuniões importantes e é apresentada como integrante do governo. Na entrevista que deu na GloboNews, Caiado estava acompanhado da mulher Gracinha de três filhos.

Nada de deputado ou secretário, quem acompanha Caiado em tudo é a família. Se isso vai dar certo ou não, só o tempo vai dizer…