Promessa de novos tempos, Sandro Mabel depciona no comando da Fieg

O presidente da Fieg, Sandro Mabel, foi eleito com propostas de mudar a pasmaceira que tomava contas da importante entidade.

Poucos meses depois de ser empossado, o que se vê é pior do que o mais do mesmo, causando uma grande decepção no meio empresarial goiano.

Em vez defender o empresariado da política de cortes de incentivos fiscais do governo Caiado e outras conquistas da iniciativa privada em Goiás, Mabel está preocupado em lançar campanha comunitária de doação de sangue.

Nada contra o incentivo de doação de sangue, que é muito importante, mas a Fieg deveria ter foco e batalhar com efetividade os interesses de seus representados.
Sandro está apequenando a federação.