Pegou mal: Caiado é um dos 3 parlamentares goianos mais faltosos de 2018

O senador e pré-candidato a governador Ronaldo Caiado (DEM) é um dos três parlamentares de Goiás que mais faltaram a sessões no Congresso nos primeiros meses do ano, de acordo com reportagem publicada nesta segunda-feira pelo jornal O Popular. Os outros dois são Jovair Arantes (PTB) e Magda Mofatto (PR). 

Bruno Peixoto: “Ministério Público torturou meu irmão”

Deputado critica expediente adotado pelo MP contra seu irmão, vereador Wellington Peixoto (PSB), que foi conduzido à força há uma semana para prestar depoimento. Ele é suspeito de negociar propina em troca de licença ambiental.

Processado, amigo do mensaleiro Delúbio Soares ataca Marconi em artigo

Marcus Vinícius Faria Felipe, que assina artigo hoje contra o governador Marconi Perillo (PSDB) no Diário da Manhã, responde por um rosário de pecados: o mais grave deles é ser amigo leal e incondicional do mensaleiro Delúbio Soares (PT).

Mauro Rubem propõe criação da CPI da Saúde e sofre enxurrada de críticas

Petista sugere Comissão para averiguar modelo de gestão por OS nos hospitais do Estado. Túlio Isac rebate: “Mauro Rubem sobe à tribuna com a cara mais santa do mundo para falar de moralidade. Se for passar a limpo o PT, não tem um que fique em pé”.

A crise dos xarás…

Crise na Amma gera conflito entre vereador Paulo Borges e prefeito Paulo Garcia. O primeiro se sente abandonado e largado na chapada pelo petista e também por aliados. Nomeação de Borges para nova secretaria era dada como certa, mas com o escândalo da Amma o prefeito nem toca mais no assunto

Bruno Peixoto acusa MP de “truculência” e de dar “tom político” às suas ações

Deputado acusa Ministério Público de “truculência”, “sensacionalismo” e “arbitrariedade” na prisão e condução coercitiva de suspeitos na Operação Jeitinho – que reuniu provas a respeito de um esquema que liberava licenças ambientais em troca de propina. Bruno acredita que o MP deu um “tom político” às suas ações.