Goiás perde R$ 10 bilhões por ano em receitas de ICMS à custa da farra dos incentivos

A farra dos incentivos fiscais em Goiás, que em 2019 completa 46 anos ininterruptos de benesses para um pequeno grupo de empresários, vai custar, neste período  R$ 10 bilhões aos cofres públicos.

Esse é o valor do incremento de receitas tributárias caso o governo estadual encerrasse hoje todos os contratos de incentivos. O valor corresponde a 45% dos R$ 24 bilhões do Orçamento Geral do Estado para este ano.

Ou seja, em vez de R$ 24 bilhões, o Estado teria R$ 34 bilhões para investir. Seria simplesmente o fim de qualquer crise fiscal.