Pergunta que não quer calar: a demissão de Manoel Barbosa do comando da Secretaria de Educação tem a ver com o rolo de corrupção na pasta?

O governador Ronaldo Caiado demitiu nesta sexta-feira o superintendente executivo da Secretaria da Educação, Manoel Barbosa.

Barbosa é aliado do deputado federal José Nelto (Podemos), que o indicou para o cargo, o segundo na hierarquia da pasta.

A demissão do superintende ocorreu no mesmo dia em que a Polícia Civil realizou a segunda operação para desmontar esquema de corrupção em obras na Secretaria de Educação.

O governo estadual não deu nenhuma explicação para demissão.

Uma pergunta não quer calar: a demissão de Barbosa tem relação com a operação policial? Estaria o superintendente envolvido no esquema de corrupção na pasta?