Alvo predileto de Meirelles é a secretária da Economia: “Ela não é qualificada para o cargo”

Em entrevista ao Jornal Opção, o alvo predileto do deputado Cláudio Meirelles é a secretária da Economia, Cristiane Schmidt. “Ela não é qualificada para o cargo”, afirma, Leia a pergunta do jornalista Rodrigo Hirose e resposta do parlamentar

Rodrigo Hirose – O argumento do governo é que vai haver economia, retirando militares da reserva que hoje estão nas escolas, ao mesmo tempo em que os militares da ativa vão para a atividade fim, que é fazer a segurança pública.

Educação não é economia, tem de ser vista como investimento. A escola militar tem regras no sistema militar geridas por militares. Os militares da reserva que foram aproveitados são mão de obra especializada. Na tentativa de se economizar, e a economia foi pouca, o governador corta a qualidade da escola.

Agora querem fazer economia em cima da UEG [Universidade Estadual de Goiás]. O orçamento da universidade era de 2%, mas ela, ao longo do tempo, foi crescendo. É evidente que esse porcentual não é mais suficiente. Então, o governo começa a pensar em cortar unidades.

O governador pensa em economia, mas em nenhum momento, em incrementar as receitas. Com todo respeito à secretária que ele trouxe do Rio de Janeiro [Cristiane Schmidt, Economia], mas todos percebem que ela não é uma especialista nas áreas de finança e contábil. Ela não tem experiência. A intenção do governador de pedir uma indicação ao ministro Paulo Guedes [Economia] pode ter sido boa. Mas ele não teve muita sorte. A secretária não é qualificada para o cargo.

Com todo o respeito também à secretária da Educação [Fátima Gavioli], mas será que não havia um técnico da área capacitado em Goiás? Precisava trazer alguém lá de Rondônia? Rondônia é o 17º no Ideb, enquanto Goiás é o 1º.

Será que era preciso trazer tanta gente de fora? Os goianos não conseguiriam melhorar Segurança, a Saneago, o Meio Ambiente?

Veja a íntegra: https://www.jornalopcao.com.br/entrevistas/caiado-nao-dara-conta-de-pagar-a-folha-de-julho-188754/