URGENTE em diálogos revelados nesta madrugada, procuradores lamentam Moro no governo: “Queima a Lava Jato”

Em novos vazamentos divulgados na madrugada deste sábado 29, o site The Intercept Brasil mostra diálogos de membros da força-tarefa da Lava Jato que lamentam a aproximação de Sergio Moro com Jair Bolsonaro, temerosos de que a credibilidade da Lava Jato pudesse ser questionada com a nomeação do ex-juiz como ministro da Justiça e Segurança Pública. Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa, é um dos promotores que reprovam a entrada no governo.

Em um dos trechos, Monique Checker, procuradora do MPF no Rio de Janeiro, critica, em diálogo com o procurador Angelo Goulart Villela, a conduta de Moro como juiz: ‘(ele) sempre viola o sistema acusatório e é tolerado por seus resultados”, diz Checker, no dia 1º de novembro de 2018, quando Moro aceitou o convite para ser ministro do governo Bolsonaro