Com apoio de Caiado, cortes de Bolsonaro deixa, UFG sem coleta de lixo

Os cortes orçamentários feitos pelo governo Federal na Educação já afetam de forma drástica o funcionamento da Universidade Federal de Goiás (UFG), que teme o fechamento ainda neste semestre. Neste momento crítico, a coleta de lixo dentro da Universidade não é feita há mais de duas semanas pela falta de pagamento à empresa prestadora de serviço. A informação é do jornal O Hoje.