Escândalo: Caiado vai gastar dinheiro público para espionar redes sociais e institucionalizar a arapongagem em Goiás

O governador Ronaldo Caiado vai monitorar com dinheiro público as redes sociais, espionando quem fala mal da gestão dele.

O objetivo desse monitoramento seria montar uma base de dados para perseguir quem critica o governo e sufocar a oposição.

É a primeira vez que a arapongagem é institucionalizada em Goiás.

Na época da ditadura militar, este tipo de serviço de porão era feito pelo Serviço Nacional de Informação, o nefasto SNI,  que bisbilhotava a vida alheia à cata de indícios de atividades consideradas “subversivas” pelos poderosos de plantão.

O “coronel” Caiado vai no mesmo caminho.

Caiado vai gastar dinheiro público para espionar redes sociais e institucionalizar a arapongagem em Goiás