Descabelou: só falta o diretor da Adial dizer que o mundo vai acabar com a retirada dos incentivos fiscais para usineiros

A turma da Adial Goiás desesperou e partiu para a estrategia do terrorismo total. O diretor da entidade, o lobista Edwal Portilho, o Chequnho, está dando entrevistas a torto e a direito para atacar a CPI dos Incentivos Fiscais, defender a mamata dos usineiros e pregar o apocalipse no caso das regalias serem retiradas, como prevê projeto de lei do deputado Humberto Aidar.
Está pegando muito mal e mostrando que o desespero da turma da Adial é porque as benesses são grandes demais.