Vídeo: Sintego diz que Caiado insiste em não pagar data-base e piso salarial

Lideranças do Sintego tiveram na segunda-feira mais uma reunião com o governador Caiado. Duas das pautas principais continuam emperradas: a data-base dos administrativos e o piso salarial dos professores. Caiado alega não ter recursos para pagar os benefícios. A insatisfação do Sintego é grande. Outra bronca do sindicato é com o possível aumento da alíquota da previdência. O Sintego diz que não vai aceitar.

Veja abaixo: