Exclusivo: servidores da Educação estadual lançam campanha “Dezembro Preto” para protestar contra Caiado

Os professores e servidores estaduais da Educação vão manifestar insatisfação contra o governo de Caiado realizando uma campanha inteligente, que já está tomando conta das redes sociais: o “Dezembro Preto”. Os professores apuraram que a Seduc vai fazer uma campanha chamada “Dezembro Vermelho”, de combate a Aids. Decidiram então assimilar a ideia e mudar para Preto. No dia 1º de dezembro os professores irão trabalhar vestidos de preto.

A campanha é para chamar atenção para os cortes na Educação, como fechamento de escolas, reforma da Previdência, não pagamento da data-base e outros.