Maldade de Caiado: proventos de aposentados e pensionistas vão se atrasar

Mais uma maldade de Caiado.

Na entrevista coletiva em que anunciou o novo decreto de restrições impostas à população de Goiás, o governador Ronaldo Caiado foi curto e grosso: devido a queda da arrecadação, apenas os salários do servidores da Saúde e da Segurança Pública estão garantidos até o final do ano.

Os aposentados e pensionistas, do grupo de risco do coronavíris, vão ter que se virar em Goiás.