No Equador, vítimas do coronavírus serão enterradas em caixas de papelão por falta de caixões

A situação do Equador diante da epidemia de coronavírus está chocando o mundo. Após vídeos que mostram cadáveres pelas ruas de Guayaquil, no sudoeste do Equador, a cidade sofre com a falta de caixões. As vítimas da Covid-19 serão enterradas em caixas de papelão, desobedecendo às normas sanitárias do governo.

Guayaquil, centro econômico do Equador, é a cidade mais castigada pelo coronavírus no país. A localidade recebeu uma doação de mil caixões de papelão da Associação de Papeleiros equatoriana, que foi entregue a dois cemitérios da localidade. “É para que possam cobrir a demanda de caixões, que estão em falta na cidade ou são extremamente caros”, disse um porta-voz do conselho de Guayaquil.