Secretária diz que pico do coronavírus em Goiânia será no final de junho

Em entrevista na Sagres 730, a secretária municipal de Saúde, Fátima Mrué, afirmou que que a previsão do pico da covid-19 em Goiânia ocorrerá apenas no final de junho. Ela destaca que os casos estão em ascensão. No início da pandemia, foram necessários quase um mês para completar 100 casos. Atualmente, diz, registra-se cem casos a cada três dias. Por isso, ela observa que não é o momento de permitir a abertura das lojas que continuam fechadas.

De acordo com a secretária, em um cenário de controle da doença, esse pico traria aproximadamente uma necessidade de 1.500 leitos clínicos e 200 leitos de UTI. “Esse cenário de controle da doença ocorrerá se as pessoas conseguirem diminuir as aglomerações e cumprirem as normas de segurança”. Esta é a segunda análise de crescimento da curva de contaminação da covid-19, na primeira investigação, a expectativa era que o pico seria no final de abril para maio, porém haviam menos de 50 casos e os dados não se tornaram fidedignos.

“Nossa curva está deslocada para de direita, refizemos os cálculos porque hoje nós temos o número de casos que faz com que os dados se aproximem da realidade”, disse.