Por ação do promotor Marcelo Celestino, juiz ordena DGAP de aferir temperatura e cuidar da saúde de presos suspeitos de infecção por covid -19

O juiz Wilton Muller Salomão, da 5a. Vara da Fazenda Pública Estadual, ordenou que a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) passe a aferir a temperatura e os níveis de oxigênio de detentos em todo o sistema prisional de Goiás.

Além da aferição, nos casos em que houver suspeita de infecção pelo novo coronavírus, todas as medidas relacionadas à saúde devem ser tomadas .

A Acão Civil Pública que motivou a decisão judicial foi proposta pelo promotor de Justiça Marcelo Celestino.

Leia aqui a íntegra da Decisão do juiz da 5a. Vara da Fazenda Pública Estadual.