Mabel responsabiliza Caiado pelo descontrole da pandemia em Goiás

O presidente da Federação das Indústrias de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, se posicionou após o governo estadual ter orientado por uma quarentena intermitente, fechando as atividades pelos próximos 14 dias e reabrindo nos 14 dias seguintes e assim sucessivamente até setembro.

Para Mabel,o governo não está cumprindo a parte dele na pandemia do novo coronavírus e defendeu o uso de cloroquina, intromicina e outros instrumentos para enfrentamento da Covid-19.

Foi reclamado que falta proteção social as pessoas do grupo de risco e ainda que o Estado demorou agir quanto ao rastreamento dos casos.
Veja o vídeo de trecho de  entrevisra de Mabel ao Popular, no qual ele diz que Caiado nunca administrou nada na vida: