É o Amor: Zilu perde pensão de R$ 100 mil de Zezé e agora quer mais R$ 15 milhões

Separados oficialmente desde desde 2014, Zezé Di Camargo e Zilu brigam na Justiça pela partilha milionária dos bens. A ex-mulher do sertanejo acaba de perder três ações contra o ex-marido, referentes à divisão da fortuna do sertanejo. Em um dos processos, iniciado em 2018, a mãe de Wanessa pede uma pensão vitalícia ao cantor. O pedido foi negado na última terça-feira pela juíza Natalia Assis.

Até o ano passado, Zilu recebia mensalmente uma pensão alimentícia de R$ 100 mil. A mesma quantia, no entanto, vem sendo depositada todo mês na conta de Zilu, mas é referente a um outro acordo que ela fez com Zezé para receber em dinheiro a parte dela da fazenda “É o amor”, localizada em Goiânia e adquirida quando eles eram casados.

Segundo o advogado de Zezé, o sertanejo e a ex-mulher fizeram um acordo na época da partilha de bens em que Zilu ficaria com alguns imóveis e uma quantia de R$ 3,6 milhões referentes à parte dela na famosa fazenda. Essa quantia seria paga em 20 parcelas de R$ 100 mil. A última parte desse montante será depositada agora em setembro. Após isso, Zilu não receberá mais dinheiro do ex-marido.

 

Zilu, no entanto, briga na Justiça para receber mais R$ 15 milhões da partilha de bens e também a ter direito a cachês de shows e projetos que o sertanejo realizou após o divórcio.
Entre os bens que ficaram com Zilu durante a partilha de bens estão o apartamento luxuoso que ela está morando atualmente em Miami, nos EUA, uma casa em Alphaville, em São Paulo, os R$ 3,6 milhões (referentes à parte dela da Fazenda É o amor) e alguns outros imóveis em Goiânia. Ela ainda é sócia do ex-marido em algumas empresas.