Anápolis: Roberto Naves assina ordem de serviço para implantação do novo complexo hospitalar

Em aproximadamente seis meses, Anápolis terá um novo complexo hospitalar à disposição dos anapolinos. A ordem de serviço foi assinada nesta quarta-feira (12) no antigo Cais Progresso, local que vai abrigar esta nova unidade e também a UPA Geriátrica – a primeira unidade de pronto atendimento do país com este perfil –, prevista para ser entregue em 30 dias.

O atendimento exclusivo aos idosos seguirá a mesma linha da UPA Pediátrica, que, inaugurada no ano passado, criou um novo modelo de acolhimento ao público infantil. O novo complexo hospitalar será construído em uma área do antigo Cais com 1.500 metros quadrados, em uma parte que ainda não havia intervenção.
A unidade terá dois centros cirúrgicos, 12 leitos de UTI e 36 de enfermaria. Para isso, serão destinados mais de 6 milhões de reais de recursos próprios do município. “O objetivo é destinar um local apropriado para cirurgias eletivas e de urgência, já que o Hospital Municipal Jamel Cecílio não tem estrutura e, também, a nova unidade projetada – que contará com 110 leitos – ainda não está pronta”, disse o prefeito.
Com esse novo local, o Hospital Municipal Jamel Cecílio segue como centro de internação e outros procedimentos de menor complexidade.