Na bronca com Caiado, policiais militares e bombeiros convocam assembleia

As entidades que representam a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros convocaram assembleia geral para o dia 16 de setembro, às 14h30, com a promessa de endurecer o discurso com a administração do governador Ronaldo Caiado (DEM). Em vídeo que foi publicado nas redes sociais, o deputado estadual Major Araújo (PSL), que apoia a causa das entidades, afirma que “o governo não pode alegar que não se buscou diálogo” e que “todo diálogo tem limite”.

Os policiais e bombeiros militares reivindicam atualização na data base; acertos na diferença da promoção de policiais feita em 2019; atualização dos valores da pensão dos servidores que trabalharam no episódio do Césio-137; promoções relativas ao Curso de Habilitação de Oficiais Auxiliares (CHOA) e de soldados de segunda classe. A assembleia acontecerá na entrada da Assembleia Legislativa.

Em um dos trechos do vídeo, Major Araújo diz: “por pior que fosse o governo passado, a pensão do césio-137 era reajustada anualmente”.