Site do PMDB virou arma de promoção pessoal do presidente Samuel Belchior

Anunciada como uma lufada de modernidade, a nova comunicação do PMDB até agora não engatou.

Gafes, erros de português, omissões gritantes e falta de agilidade marcaram o trabalho da equipe que cuida das ferramentas de divulgação do partido.

Mas numa coisa a turma acerta em cheio: na promoção pessoal do presidente Samuel Belchior.

A cada três notícias postadas nos canais peemedebistas, pelo menos uma tem como personagem o deputado.

Enquanto isso, outros peemedebistas, como d. Iris Araújo e demais deputados federais, assim como os colegas de Assembleia do presidente, são solenemente ignorados pela equipe.

Isso vai dar uma ciumeira.

Ah, se vai.