Segundo jornal, Vanderlan e Caiado detonam a chance de unidade da oposição em 2014

Veja matéria do jornal Tribuna do Planalto:

 

Terceira via adia diálogo

Depois de ensaiar conversas com aliança PT-PMDB, grupo liderado por Vanderlan Cardoso e Ronaldo Caiado foca mesmo é na candidatura própria para o Palácio das Esmeraldas em 2014

Daniel Gondim – Repórter de Política

 

Durou pouco a tentativa de aproximar a terceira via da oposição. O ex-prefeito de Senador Canedo Vanderlan Cardoso (PSB) bem que tentou iniciar um diálogo com lideranças de PT e PMDB para construir uma candidatura única do grupo, mas, na semana passada, o deputado federal Ronaldo Caiado (DEM) tratou de colocar uma “pá de cal” na intenção do aliado.
Na terça, 13, em declaração feita no Facebook, o democrata mandou um recado de que não há conversa com a aliança PT-PMDB. “O nosso grupo vai contra o que PSDB e PT/PMDB defendem: manter tudo como está. O que pensamos vai de encontro aos anseios dos goianos”, escreveu Ronaldo, que, no mesmo post, ainda afirmou que a decisão foi tomada com “todos os integrantes do grupo”.
A parte final do recado é endereçada justamente a Vanderlan, que, recentemente, tentou construir uma aproximação com petistas e peemedebistas. Há duas semanas, por exemplo, o socialista esteve em Anápolis para uma série de reuniões e, em entrevistas, foi taxativo ao defender a união das oposições.
Além disso, a postura de Caiado também enterra a esperança de que poderia haver conversas entre o DEM e o PT para construir uma aliança. Desde o início, esse foi um dos principais empecilhos para a união das oposições, já que petistas e democratas estão em lados opostos no cenário nacional. Na Câmara dos Deputados, Caiado é um dos principais parlamentares de oposição ao governo da presidente Dilma Rousseff (PT).

Candidatura
Com o recado dado, a terceira via busca agora construir um nome para 2014. Ainda no mesmo post, Caiado listou as principais lideranças, destacando que todas elas têm as mesmas condições de pleitear o cargo. “Esse grupo é formado por nomes como o de Vanderlan Cardoso, Jorcelino Braga, Flávia Morais e por mim.
O grupo bateu o martelo, está decidido: não existe candidato definido. Existem pré-candidatos. Todos podem se apresentar como opção. A chapa majoritária será formada ano que vem, de acordo com diversos critérios”, garantiu o democrata.
Por fim, Caiado também deixou aberta a possibilidade de que outros partidos se juntem à terceira via. Mais uma vez, porém, tratou de alfinetar e, principalmente, descartar aproximação com PT e PMDB, além do PSDB do governador Marconi Perillo.
“Nosso grupo está aberto para receber novos partidos que queiram se integrar a essa nova forma de fazer política, que não concordam com PSDB e PMDB-PT, os “donos da bola”, são bem vindos.