Agiu com irresponsabilidade e agora paga o pato: coluna Giro, em O Popular, chama Paulo Magalhães, que agrediu colega com soco na cara, de “vereador pugilista”

Em um raro momento de descontração, a coluna Giro, no jornal O Popular, chama o vereador Paulo Magalhães, do PSD, que agrediu um colega com um soco na cara, de “vereador pugilista”.

É o preço que Paulo Magalhães só está começando a pagar por ter agindo irresponsavelmente e com falta de decoro para o exercício do cargo de representante dos goianienses na Câmara Municipal.

“Vereador pugilista” é um título que envergonha e diz respeito ao fato ocorrido no início desta semana, quando ele, durante uma discussão em plenário, deu um murro na cara do colega Felizberto Tavares, do PR.

Pode apostar, leitor do blog Goiás 24 Horas: vai ser difícil para Paulo Magalhães se livrar da má fama causada pelo seu gesto impensado. O prejuízo será grande.