Jornalista Altair Tavares condena traição de Caiado a Temer: “Aliado que é aliado não sugere renúncia. Aguenta o tranco até o fim”

Post publicado por Altair Tavares

O surto do senador Ronaldo Caiado (DEM) nesta terça-feira, quando defendeu a renúncia do presidente Michel Temer (PMDB), surpreendeu jornalistas. De modo geral, quem trabalha com análises do cenário político na imprensa confirmou – mais uma vez – a tese de que Caiado é desagregador e que não consegue ser aliado de alguém por muito tempo.

Veja, por exemplo, o que disse Altair Tavares, que atua na rádios 730 AM e Vinha, além do portal Diário de Goiás: “Aliado que é aliado mesmo não sugere para você renunciar. Aguenta o tranco até o fim”. A declaração foi publicada no Twitter.

Além de assombrar jornalistas, a verborragia descabida do senador atrapalhou também os planos do prefeito eleito Iris Rezende (PMDB), que pretendia “nomear” Caiado como seu procurador junto ao governo federal, para liberar verbas para investimentos durante a sua gestão no Paço Municipal.

A verdade é que ninguém entendeu este surto.

[vejatambem artigos=” 58830,58821 “]