Caiado bate nas diárias de servidores do Estado, mas Senado paga R$ 900 de vale-lagosta para assessores dele

Contra a política de dois pesos e duas medidas de Ronaldo Caiado (DEM) existe o blog GO24H, que expõe aqui mais um flagrante de incoerência do senador.

Caiado está fazendo campanha contra o pagamento de diárias para servidores e policiais militares do estado que viajam pelo interior a trabalho, o que raramente custa mais de R$ 100 por servidor para o Estado.

No entanto, aceita em silêncio o pagamento de R$ 900 em vale alimentação – que merece ser chamado de vale-lagosta, pelo valor – aos seus assessores. O valor exato é R$ 982,28, pelo que vê no contracheque do assessor de imprensa do senador, Tony Carlo Bezerra Coelho.

São dois pesos e duas medidas que colocam em xeque a credibilidade do discurso de Caiado.