Iris afirma que vai criar bolsas públicas para escolas particulares. Prioridade não é mais fazer CMEIs

O vereador Iris Rezende (PMDB) afirmou, nesta sexta-feira, que vai criar bolsas pagas pela prefeitura para que alunos estudem em escolas particulares. Ele admite que a medida foi sugerida por donos de escolas privadas, interessadas em ocupar vagas que eventualmente ficam ociosas. Ou seja: a construção de CMEIs deixou de ser a prioridade da atual administração.

Em tempo: o déficit é de 7 mil crianças e a prefeitura abrirá, no ano que vem, apenas 250 novas vagas.

O vereador Jair Diamantino, que é da base do prefeito, disse que “estranhou” a declaração.