Mrué admite “situação caótica” na Saúde e diz que não levaria família nos Cais de Goiânia

Em depoimento na Câmara Municipal de Goiânia, na manhã desta quinta-feira, a secretária de Saúde, Fátima Mrué, admitiu “situação caótica” na área que ela administra. Em resposta a pergunta do vereador Cabo Senna (PRP), reconheceu também que não levaria os seus familiares em um Cais da cidade. “É justamente por causa disso que eu assumi o desafio de ser auxiliar do prefeito Iris Rezende, há dez meses”, afirmou.