Na eleição, Iris condenou OSs na Saúde. Nesta quinta, Mrué disse que Goiânia pode adotar modelo. Nada como um dia após o outro

Provocada pelo vereador Anselmo Pereira (PSDB), que chamou de “falido” o modelo de administração dos Cais e Ciams de Goiânia, a secretária de Saúde da Capital, Fátima Mrué, admitiu nesta quinta-feira, em depoimento na Câmara de Vereadores, que avalia a possibilidade de adotar o mesmo modelo de gestão que hoje é usado nos hospitais do governo de Goiás.

Curioso é que, na campanha de 2016, Iris condenou as OSs da Saúde de forma veemente e afirmou que em hipótese alguma adotaria este expediente para gerir as unidades de atendimento da cidade. Usou a polêmica, inclusive, para desgastar Vanderlan Cardoso (PSB), que era o candidato apoiado pelo governo.