Depois do PV, Pros e Solidariedade devem anunciar apoio a Demóstenes

Depois de receber a adesão do Partido Verde (PV), o  procurador de Justiça Demóstenes Torres, pré-candidato a senador pelo PTB, capitaliza mais dois apoios de peso: o Pros e o Solidariedade.  As duas legendas devem oficializar a aliança com Demóstenes nos próximos dias. “Estamos conversando com os prefeitos, deputados e lideranças dos dois partidos e seria uma honra para mim a gente caminhar juntos”, assinalou o pré-candidato.

O presidente estadual do Solidariedade, Armando Vergílio, adianta que o partido já decidiu permanecer na base aliada e marchará com o governador José Eliton no projeto de reeleição. No caso de Demóstenes, ele afirma que é muito forte a tendência da agremiação de apóia-lo.

O PV foi o primeiro legenda a apoiar à pré-candidatura de Demóstenes. O presidente do partido em Goiás, Eduardo Zaratz, alegou que a motivação da aliança foi a afinidade que o petebista demonstrou como procurador de Justiça com as causas ambientais.

Além dos partidos, a pré-candidatura a senador de Demóstenes já tempo apoio declarado dos prefeitos de Itumbiara (PTB), Zé Antônio; de Anápolis, Roberto Naves (PTB); de Senador Canedo, Divino Lemes (PSD); de Anicuns, José Jorge de Souza (PSD); de Professor Jamil, Geraldo Antônio (PSDB); de Pontalina, Milton Ricardo (PMDB); Gilvander Pereira, o Gil, de Cromínia (PSDB); de Trindade, Jânio Darrot (PSDB); e de Hidrolândia e presidente da Associação Goiana de Municípios (AGM), Paulo Sergio de Rezende (PSDB).

A maioria dos deputados estaduais, à frente o líder do governo, deputado Francisco Oliveira (PSDB), também apoia Demóstenes.