Urgente: servidores públicos de Goiânia cruzam os braços nesta terça e ameaçam Iris

O Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Estado (Sintego) convocou assembleia geral dos servidores da Educação para esta terça-feira, na Câmara. Outras categorias do funcionalismo público municipal se reúnem simultaneamente. A categoria está possessa porque, entre outros pontos, o prefeito Iris Rezende (MDB) se nega a pagar o piso dos professores e não concede data-base desde 2017.

Haverá paralisação dos serviços para que todos os servidores possam participar de suas respectivas assembleias.